Install theme

Seu voto é pelo que viu na propaganda deles? Então, você merece ser enganado.

Li o programa de governo de cada um dos candidatos acima. Segue minha análise na ordem da foto.

Levy Fidélix (PRTB - 28)
Candidato caricaturado até no plano de governo. Ou melhor: que plano? Exato. Ele não tem plano de governo.

Dilma Rousseff (PT - 13)
https://programadegoverno.dilma.com.br/wp-content/uploads/2014/07/Programa-de-Governo-Dilma-2014-RGB1.pdf
42 páginas
começa mesmo na página 07

Não diz absolutamente nada sobre “como” vai alcançar as mudanças propostas. É mais uma declaração de valores e fé. É uma declaração de princípios de governabilidade e não um plano de governo. Cita por cima o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) que, lançado em 2007 previu 500 bilhões e no PAC 2 (2010) 1,5 Trilhões. O mais interessante é que foi lançado em 2007 depois de Lula quase não se reeleito por ter apresentado crescimentos pífios de 3%. Mesmo após o programa a realidade não mudou muito. Pior a administração de sua sucessora que com uma verba 3x maior conseguiu resultados ainda piores. A candidata culpou a crise de 2011, porém seu antecessor, Lula, enfrentou a crise de 2008.

Propõe um modelo de combate a corrupção que já está no congresso.

Marina Silva (PSB - 40)
http://cl.ly/XQkZ/download/completo.pdf
244 páginas
começa mesmo na página 11

É bem detalhado. Mesclou declaração de valores e diretrizes com o modus operandi. Diferente do que a campanha de Dilma (PT) declarou sobre a generalidade da independência do Banco Central, o programa é bem específico quanto as funções atribuídas, os moldes e ações.

Como declaração de valores, se propõe a ser a diretriz não só do executivo mas do legislativo da coligação. O formato de reforma tributária e política, por exemplo.

Outro tema “polêmico” abordado: Pré-sal. O programa fala da redução de CONSUMO de combustíveis fósseis - o que não significa não explorar o pré-sal. Na verdade, poderia nos dar uma vantagem competitiva no mercado ao exportar ao preço do barril e gerar esse lucro para o país. Achei interessante. Foco no lixo como fonte de energia e como forma de resolver o impacto no meio-ambiente. Além de uma espécie de “Minha Casa Minha Vida Sustentável” - 1 milhão de casas com redução de custos de energia (casas com placas de energia solar) - na Alemanha é assim.

O capítulo dedicado a educação quase me fez mudar o voto para Marina. É sensacional. Detalhado, claro, objetivo. Trata a educação de forma quantitativa e qualitativa e como uma forma de aumento da renda per capita e como uma maneira de reduzir a desigualdade (e não “dando” coisas como na propaganda petista: Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Pronatec (um programa de escola técnica dos anos 1980 que gera emprego de baixo custo e qualidade).

>

Eduardo Jorge (PV - 43)
http://www.eduardojorgepv.com.br/programa-brasil/
41 páginas
começa mesmo na página 04

Diz um pouco do “como”, mas é muito mais uma declaração de valores e diretrizes de governo. Assim como o de Marina Silva, tem diretrizes para o legislativo da coligação. A reforma política proposta é a mesma que acredito. É atual e condiz com nossa realidade. Exemplo: Por que temos Câmara dos Deputados e Senado? Isso era a tal Câmara Baixa (eleita pelo povo) e Câmara Alta (eleita pela burguesia). Não faz sentido em nosso modelo democrático. A presença dos dois só aumenta os custos da máquina pública e aumenta a burocracia.

Não gosto muito da política de “redução de taxa de juros para o governo investir mais”, porque isso significa mais endividamento e o Brasil tem uma carga tributária alta. Não precisa disso. Exemplo: pagamos 250 bilhões de juros. Isso é mais que o investido em Saúde, Educação e infraestrutura juntos. Ou seja, sem pegar 1 centavo emprestado, conseguimos mais que dobrar os investimentos somente com gestão. Para isso você não precisa de aliança ou loteamento de partidos no governo.

Luciana Genro (PSOL - 50)
http://lucianagenro.com.br/wp-content/uploads/2014/07/programa.pdf
100 páginas
começa mesmo na página 09

É o segundo melhor e mais estruturado programa de governo (sem juízo de valor de candidatos ou valores defendidos). É uma declaração de valores e princípios de governabilidade, além de diretrizes para o legislativo da coligação. Defende a redução da taxa básica de juros, porém, diferente do Eduardo Jorge, não como uma fonte de investimento, mas como uma alternativa (caso necessário). Assim, como falei acima, o princípio defendido do PSOL é uma auditoria das dívidas. Isso sim traz resultados. E mais uma vez, para isso, não é necessário alianças ou loteamento de governo, mas gestão. Tem uma forte presença do Estado na economia e demais áreas. É um modelo de socialismo dentro da realidade e liberdade democrática brasileira. Sem perder o foco da sustentabilidade.


Aécio Neves (PSDB - 45)
http://aecioneves.com.br/downloads/plano-de-governo/desenvolvimento-economico.pdf
64 páginas
começa mesmo na página 04

Consegue ser pior que o plano de governo do Levy Fidelix. Sério. Foi o único que me irritou ler. São 64 páginas vazias. Não consegue ser uma declação de valores e diretrizes. Está mais para uma declaração de fé: você acredita que ele vai fazer e a fé não precisa de provas concretas. Dane-se. O texto é o mesmo roteiro ligo pelo Aécio nas entrevistas e propagandas eleitorais. Sem acrescentar nada! Ou seja, se o Levy Fidelix escrevesse as suas bobagens num pdf e chamasse de “Plano de Governo” seria realmente muito melhor.

Pastor Everaldo (PSC - 20)
http://www.pastoreveraldo.com.br/?pag=plano-de-governo
23 links (isso mesmo não tem um plano formatado normalmente)
Cada link possui um micro texto com tópicos de declaração de valores.

Acredite. É o “programa de governo” mais radical. Sim, é mais radical que o do PSOL, só que para o outro lado. 100% neo-liberal (apesar de que esse neo de novo não tem mais nada). Pretende, por exemplo, resolver a saúde através dos Planos de Saúde - no que chama de “livre comércio” deles. É um absurdo em cada link. Os panos de saúde no Brasil são livres em comércio, mas fiscalizados e regulados por uma agência independente (ANS). Mesmo assim, são punidos todos os meses pelos abusos e desrespeitos. Mais liberdade que isso é legalizar o crime contra a saúde (isso vindo de quem rejeita a legalização das drogas). O tal defensor da família. De todos é o mais hipócrita “programa de governo”. É fundamentalista e interesseiro.


Minhas conclusões:

Os piores
Pastor Everaldo e Aécio Neves são os piores candidatos (lembre-se que na lista está o Levy Fidélix)

O melhor programa de Governo
Marina Silva e Luciana Genro

Propostas mais concretas (que melhor demonstrou ter capacidade de realizar)
Marina Silva e Luciana Genro

Dessa lista, os “melhores” candidatos
Eduardo Jorge, Marina Silva e Luciana Genro.

Ver mais
Marcada com Politica,
Publicado às 21:45 03 Outubro 2014

Independente depende.
In pode ser não.
Mas pode ser dentro.
Quem decidiu qual o certo?
Depende.
Depende do que se sente.
É sentir e ser sentido.
Fazendo ou não sentido.
E se não se sente?
Sofre independente.
E não da pra ser feliz independente?
Até da, mas a felicidade precisa ser guerreira, é preciso lutar, agarrar, gritar, sorrir e chorar.
Por que?
Porque a felicidade independente não depende nem da gente, e se queremos dela, temos que vencer seu in negado pá ra trazer para dentro. Rasgando a independência como queira. Para ser feliz independente é depender de lutar cada dia para ser feliz.

Interessante. Mas vai entender!

Ver mais
Marcada com devaneios,
Publicado às 22:51 20 Junho 2014

Devaneios de um gerúndio intenso

Não me venha com “Eu te amo não é bom dia”.

Bom dia
boa tarde
boa noite
bom descanso
bons sonhos
boa vida

Eu te amo é mais. Mais presente, mais intenso, mais constante, mais dito. Ou é mal dito.

Quem me ame que me ame com tudo. De todas as formas. Com toda intensidade e verdade. Com todo o tempo. Seja chronos seja kairos. Não quero de ontem. Só quero o de agora e o que vem depois. O que já foi é morto, registro de passado. Amor é registro presente, registro de vida. É presente substantivo que me queira imperativo.

Quero
“Quero que todos os dias do ano
todos os dias da vida
de meia em meia hora
de 5 em 5 minutos
me digas: Eu te amo.

Ouvindo-te dizer: Eu te amo,
creio, no momento, que sou amado.
No momento anterior
e no seguinte,
como sabê-lo?

Quero que me repitas até a exaustão
que me amas que me amas que me amas.
Do contrário evapora-se a amação
pois ao não dizer: Eu te amo,
desmentes
apagas
teu amor por mim.

Exijo de ti o perene comunicado.
Não exijo senão isto,
isto sempre, isto cada vez mais.
Quero ser amado por e em tua palavra
nem sei de outra maneira a não ser esta
de reconhecer o dom amoroso,
a perfeita maneira de saber-se amado:
amor na raiz da palavra
e na sua emissão,
amor
saltando da língua nacional,
amor
feito som
vibração espacial.
No momento em que não me dizes:
Eu te amo,
inexoravelmente sei
que deixaste de amar-me,
que nunca me amastes antes.

Se não me disseres urgente repetido
Eu te amoamoamoamoamo,
verdade fulminante que acabas de desentranhar,
eu me precipito no caos,
essa coleção de objetos de não-amor.”
Carlos Drummond
#SimplesAssim

Ver mais
Marcada com devaneios,
Publicado às 0:19 06 Maio 2014
JaimeNeto85 completou 4 anos hoje!

JaimeNeto85 completou 4 anos hoje!

(Fonte: assets)

Ver mais
Publicado às 13:24 21 Março 2014

Amor que

Não pende
Não pede
mais acima de tudo
mas acima
mesmo que
(nem precisa)
amor

Ver mais
Publicado às 14:00 26 Outubro 2013
Amor independente.
Independente. Amar.
Amar. Independente.
Independente amor.
— JaimeNeto85
Ver mais
Publicado às 10:56 26 Outubro 2013
Como um pássaro em meio a cupins e carrapatos. Engaiolado a essa realidade
Ver mais
Marcada com devaneios,
Publicado às 17:43 14 Outubro 2013

Icons

Há dias um pensamento me consome e resolvi compartilhar: a perda de referências iconograficas. Vejo ícones de telefone q essa geração nunca viu. Email é uma carta que essa geração nunca viu. Salvar é um disquete e novamente o conflito. São tantos… quais os novos ícones a surgir? Ja que telefone, câmera, internet… tudo se faz num só lugar. Era mais fácil para geração anterior pq ela ainda viu uma ferramenta para cada coisa. Qual a referência dessa geração?

Ver mais
Publicado às 19:20 27 Setembro 2013
Ver mais
Publicado às 14:58 12 Julho 2013
Ver mais
Publicado às 11:41 10 Julho 2013